domingo, 2 de maio de 2010

Pai babado... Dia da Mãe!

video
Olá a todos. Hoje é dia da "Mãe". Antes demais um beijinho muito grande para a minha mãe, a Dona Irene, que amo muito e para a minha sogra a D. Armanda por quem nutro também um especial carinho.
"Mã" e "mamã" foram as primeiras palavras que o Miguel José pronunciou, ambas com o mesmo significado... "Mãe".
A Mizé nasceu para ser mãe... tenho bem vivo na memória o momento em que a Mizé pegou no Miguel José pela primeira vez... o nosso bebé, aos olhos dela, não tinha qualquer má-formação... era perfeito.
Como é sabido, moramos longe da nossa terra Natal, onde reside a nossa família mais chegada. e por isso a Mizé não pode contar com o apoio de ninguém, principalmente da mãe que lhe faz muita falta e que também gostaria muito de estar perto de nós.
Ainda assim, a Mizé fez um trabalho notável. Por entre inúmeras e constantes consultas no São João, cerca de dois meses de noites sem dormir, e tantas outras adversidades, a Mizé nunca esmoreceu. Valeram-lhe também nesta altura, os dias que passámos em Viseu, em que a minha sogra passou algumas noites acordada a tomar conta do Miguel José para a Mizé poder descansar.
O Miguel José tem uma relação muito especial com a mãe. São muito amigos. Ela dá-lhe toda a atenção e carinho que ele precisa e o Miguel José retribui com muitos beijinhos e abracinhos. É uma ternura e a mamã fica toda babada. Passa imenso tempo em brincadeiras com ele mas na altura de repreender também sabe estar à altura. O Miguel José é muito teimoso e às vezes temos que nos impor de modo mais rígido. A Mizé não é nada uma mãe permissiva. Adaptou-se muito bem à maneira de ser do Miguel José e sabe a altura exacta em que tem que se impor.
A Mizé ensina-lhe muitas coisas e o desenvolvimento dele tem sido espectacular, contrariando as estatísticas de crianças portadoras de Hidrocefalia.
Tal como já escrevi uma vez "Deus, tal como escolheu Maria para mãe de Jesus, escolheu a Mizé para mãe do Miguel" pois sabia que só ela saberia cuidar dele.
Se o Miguel José soubesse escrever, escreveria:
"Amo-te mamã. Obrigado por seres assim."

0 comentários:

Template by : kendhin x-template.blogspot.com